terça-feira, 19 de maio de 2015

Último post! Agora estou de casa nova!

Amigos queridos,
já faz cinco anos que compartilho aqui no blog, minhas opiniões sobre vários assuntos, principalmente sobre os livros que leio.
A partir deste blog fiz muitos amigos na vida virtual e na vida real também. Alguns até visitei em outras cidades. 
Mas sempre é bom caminhar por lugares diferentes e viver outras experiências, e é o que está acontecendo comigo. Estou inaugurando o meu site novinho! E quero muito encontrar vocês na minha casa nova!
Passa lá pra ver como ficou bonito! É só clicar na foto que em segundos, já estaremos lá, eu e você!
Beijinhos da Nina Krivochein!
Até breve! 


terça-feira, 12 de maio de 2015

Nina indica a peça: O Reino dos Mal Educados

Olá pessoal, 

Hoje, eu vou fazer a resenha de uma peça de teatro divertidíssima que trata de uma coisa que falta em muitas pessoas: a educação!

O nome da peça é O Reino dos Mal Educados, que fala de um lugar que é governado pela Rainha Pimenta III, que aprendeu a ser mal educada com o seu pai e sem pensar, passa a sua má educação para os seus filhos.

E todos no reino, sem pensar em ser diferentes, tornaram-se mal-educados. Muito mal-educados! 

Certo dia chegaram três estrangeiros: Docinho, Amorosa e Tio Bonzinho, que são do reino dos educados, as duas meninas vão para a escola, mas elas não gostaram nadinha de lá, pois todos eram muito mal educados e não se respeitavam! A professora, então!? Era pior ainda! Ela batia a lista de chamada na mesa, como uma professora que eu já tive! Rsrsrsrs!

imagens/ acervo do ator José Eugênio


E o problema naquela escola era que algumas pessoas queriam ser gentis, mas não podiam!

Até que um dia o Tio Bonzinho foi até a Rainha Pimenta Terceira e lhe perguntou o porquê da má educação, ela disse que herdou de seu pai, que herdou do pai dele, etc, ou melhor ela nunca pensou nisso!

Infelizmente, eu não posso contar o final, mas já fica a dica! <3 <3 

Eu mega indico para todas as pessoas que gostam de diversão!

Curiosidades 

- Os figurinos ficaram realmente lindos, eu amei os colegiais!

- Algumas músicas eram antigas como a da Farofa! Eu amei a música da preguiça cantada pelo repetente viciado em games!

- Uma das coisas legais dessa peça é que no fim a escola não era mais ruim como antes!

O que eu mais gostei: 

- Das músicas, pois algumas delas eu já conhecia. Eu amei!

- Também, gostei muito da personagem que só falava por meio de ditados, tipo:

“Os últimos serão os primeiros!”

“Quem avisa amigo é!”

“Vai cutucar a onça com a vara curta?”

Merece destaque:

- A parte em que as irmãs boazinhas (uma delas é minha amiga; a atriz Nicole Castro) cantam juntas. É muito emocionante!
- A aparição da Professora Piti! Muito engraçada a aula de chilique no shopping! E a atriz é muito fofinha!


O Reino dos Mal Educados é escrito por Mareliz Rodrigues e conta com a colaboração de Renato Valença. O espetáculo tem um teor bem educativo, pois aborda temas que muitos pais fecham os olhos ou são vencidos pelo cansaço mediante a insistência dos seus filhos devido ao estresse vivido no dia-a-dia.

A história se passa no “Reino dos Mal Educados” e o conflito gira em torno dos estrangeiros vindos do “Reino da Educação”, que se chocam com o comportamento do reino onde eles atualmente estão. Depois de muitas aventuras, o Rei do “Reino da Educação” se apaixona pela Rainha do “Reino dos Mal Educados” e a convence que a educação e o amor são os melhores caminhos a se seguir. Sendo assim, eles se casam e unem seus reinados formando o “Reino da Felicidade”. Grosseria, antipatia, intolerância são alguns ingredientes dessa peça sempre com uma boa dose de humor.”

Ficha Técnica com elenco todo do “O Reino dos Mal Educados”.

Texto & Direção: Mareliz Rodrigues
Colaboração de Texto: Renato Valença
Assistente de Direção: Lorrana Mousinho 
Direção Musical & Preparação Vocal: Marcelo Rezende
Coreografias: Renata Ferreira
Caracterização e Figurinos: Rodrigo Reinoso 
Iluminação: Gleydson Lopes
Assistente de Iluminação: Ricardo Grings
Operadoção de Luz: Ricardo Rolim
Operador de Som e Microfones: Vinícius Melo
Assessoria de Imprensa: JP Assessoria
Secretária de Produção: Luana Falcão 
Assistente de Produção: Amanda Zagnoli, Felipe Willhelm
Realização: ESPAÇO CULTURAL VAMOS FAZER ARTE

Elenco:
Ana Helena de Freitas
Ana Lia Guedes
Beatriz Messias
Bruna Rosa
Carol estima
Catherine Beranger
Felipe Izzo
Felippe De Santis
Giovanna Simões
José Eugenio
Laura D' Ávilla
Luiz Claudio Barcellos
Luiz Fernando Jannotti
Manuela Simões
Nathália Costa
Nicolle Castro
Rafael Telles
Vincenzo Lucchese

TEATRO DOS GRANDES ATORES - Tel: 21 3325-1645
Avenida das Américas, 3.555 - Shopping Barra Square- Barra RJ
SÁBADOS E DOMINGOS DE MAIO ÁS 17 HS
Inteira: R$ 50,00 / meia: 25,00
Classificação: LIVRE
Para comprar com desconto clique na imagem!  

sábado, 9 de maio de 2015

Leitura do dia: 365 Beijos para Mães Queridas, de Kathy Wagoner



Olá pessoal,

Hoje eu farei uma homenagem às mães, com a indicação de um livro especial de frases de várias pessoas que são super dicas para as mães! 



O nome do livro é 365 Beijos para Mães Queridas, organizado por Kathy Wagoner.

Eu queria dedicar com muito amor, este post para Joana Cabral e Silmara Santos, minhas duas mães!

Este livro é especialmente preparado para se ler um poeminha a cada dia do ano. 

Eu achei super legal, pois você pode dar uma frase de presente para a sua mãe por dia! 

Acho que deveria ter 365 beijos para pais queridos também! 

Eu indico e muito esse livrinho para as crianças, ou para as não tão crianças também, lerem para as suas mães com muito amor, porque elas merecem.

E deixo mil beijos mágicos para todas as mães que frequentam o meu blog.


Sinopse:
Ser mãe exige alguns sacrifícios, mas é também uma das mais recompensadoras experiências humanas. Esta obra traz frases repletas ora de carinho, ora de bom humor, para homenagear as mães do mundo todo, principalmente a sua!.
Reúne as melhores frases sobre a maternidade e o relacionamento entre mães e filhos, formuladas por escritores e personalidades com Charles Dickens, Vitor Hugo e Marcel Proust, além de expressões da sabedoria popular. Nada melhor para exprimir o amor pela sua mãe que as idéias apresentadas aqui.

Editora Publifolha
ISBN: 8574023655
págs: 365



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...